Olá abençoadas(os)!

Santidade. Como a própria palavra diz: Ser Santo. Mas como ser santo, em um mundo onde a iniquidade, imoralidade e o pecado tornou-se algo tão banal? Certa vez, uma professora do colégio disse-nos uma frase que concordei com ela: "Hoje, para você ser diferente, é só se tornar normal.".

Como citei acima, vou falar sobre santidade no namoro. É um tema bastante delicado e um tanto polêmico.

Bom, na bíblia não é citado sobre como devemos nos "comportar" na fase do namoro, porque naquela época eram os pais que escolhiam ou arranjavam o casamento para seus filhos e filhas. Ai você me diz: Viu só, os tempos mudaram Isabelle.
Passei por uma época, em que concordava com a imoralidade antes do casamento, comecei então a me informar mais sobre como era o namoro baseado na vontade de Deus.
Santidade no namoro não é uma questão de religião e sim, de escolha. Já vi muitas pessoas que não são evangélicas ou cristãs aderirem ao movimento Eu Escolhi Esperar.
O sexo é algo que liga duas pessoas. É uma prática que no momento errado pode alterar nossos sentimentos, visão e atitudes com o(a) companheiro(a).
No casamento, desde a época que a bíblia cita, ele é seguido pela noite de núpcias, pois o laço matrimonial não é constituído somente pela aliança de metal posta no dedo, é também pela união carnal. Quando o homem e a mulher praticam o sexo eles se tornam parte daquela pessoa. Então, porque praticar com uma pessoa que ainda não se sabe por quanto tempo vai permanecer ao seu lado, como podemos nos tornar parte dela ainda?

Assim como o sexo, o casamento virou algo banal. Duas pessoas se unem e quando estão CANSADAS daquela pessoa se divorciam. Sem falar do namoro, que escolhi o primeiro lhe aparece e quando se interessa por OUTRA pessoa, jogasse a atual fora e corre atrás da outra.

Filhas e Filhos de Deus, vamos fazer como minha professora citou, vamos nos tornar normais, para fazer a diferença em um mundo de pessoas tão iguais.
O sexo é citado na bíblia, como um presente de Deus que foi dado para que, o esposo e a esposa, possam desfrutá-lo no casamento, pois depois de esperarem pelo companheiro e manterem santidade no namoro merecem uma "recompensa", pois conseguiram enfrentar uma fase muito difícil. O inimigo quer nos ver fracassar e irá colocar toda forma de dificuldade, cabe a você escolher como vai enfrenta-la. Saiba esperar o momento certo, há hora para todo propósito debaixo do céu.

Peça forças à Deus e seja forte para resistir a este pecado tão comum.

Para você que é solteiro, não pense que a santidade só deve começar no namoro, não! Deve começar desde já. Pois se antes do namoro você não vence a tentação, como resistirá depois?

Bom pessoal, isso é tudo por hoje. Deixo com vocês esta música em que me inspirei para escrever este post.


*Quem tiver alguma dúvida sobre namoro, deseja algum conselho ou quiser dar-me uma ideia, pode enviar-me um e-mail para: bellinha-costa@hotmail.com ou pode também deixar uma mensagem aqui nos comentários.

Um forte abraço e a paz do Senhor!


Deixe um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

27/07/2014

Santidade no namoro

Olá abençoadas(os)!

Santidade. Como a própria palavra diz: Ser Santo. Mas como ser santo, em um mundo onde a iniquidade, imoralidade e o pecado tornou-se algo tão banal? Certa vez, uma professora do colégio disse-nos uma frase que concordei com ela: "Hoje, para você ser diferente, é só se tornar normal.".

Como citei acima, vou falar sobre santidade no namoro. É um tema bastante delicado e um tanto polêmico.

Bom, na bíblia não é citado sobre como devemos nos "comportar" na fase do namoro, porque naquela época eram os pais que escolhiam ou arranjavam o casamento para seus filhos e filhas. Ai você me diz: Viu só, os tempos mudaram Isabelle.
Passei por uma época, em que concordava com a imoralidade antes do casamento, comecei então a me informar mais sobre como era o namoro baseado na vontade de Deus.
Santidade no namoro não é uma questão de religião e sim, de escolha. Já vi muitas pessoas que não são evangélicas ou cristãs aderirem ao movimento Eu Escolhi Esperar.
O sexo é algo que liga duas pessoas. É uma prática que no momento errado pode alterar nossos sentimentos, visão e atitudes com o(a) companheiro(a).
No casamento, desde a época que a bíblia cita, ele é seguido pela noite de núpcias, pois o laço matrimonial não é constituído somente pela aliança de metal posta no dedo, é também pela união carnal. Quando o homem e a mulher praticam o sexo eles se tornam parte daquela pessoa. Então, porque praticar com uma pessoa que ainda não se sabe por quanto tempo vai permanecer ao seu lado, como podemos nos tornar parte dela ainda?

Assim como o sexo, o casamento virou algo banal. Duas pessoas se unem e quando estão CANSADAS daquela pessoa se divorciam. Sem falar do namoro, que escolhi o primeiro lhe aparece e quando se interessa por OUTRA pessoa, jogasse a atual fora e corre atrás da outra.

Filhas e Filhos de Deus, vamos fazer como minha professora citou, vamos nos tornar normais, para fazer a diferença em um mundo de pessoas tão iguais.
O sexo é citado na bíblia, como um presente de Deus que foi dado para que, o esposo e a esposa, possam desfrutá-lo no casamento, pois depois de esperarem pelo companheiro e manterem santidade no namoro merecem uma "recompensa", pois conseguiram enfrentar uma fase muito difícil. O inimigo quer nos ver fracassar e irá colocar toda forma de dificuldade, cabe a você escolher como vai enfrenta-la. Saiba esperar o momento certo, há hora para todo propósito debaixo do céu.

Peça forças à Deus e seja forte para resistir a este pecado tão comum.

Para você que é solteiro, não pense que a santidade só deve começar no namoro, não! Deve começar desde já. Pois se antes do namoro você não vence a tentação, como resistirá depois?

Bom pessoal, isso é tudo por hoje. Deixo com vocês esta música em que me inspirei para escrever este post.


*Quem tiver alguma dúvida sobre namoro, deseja algum conselho ou quiser dar-me uma ideia, pode enviar-me um e-mail para: bellinha-costa@hotmail.com ou pode também deixar uma mensagem aqui nos comentários.

Um forte abraço e a paz do Senhor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário