No livro de Jonas, conta-se a história de um profeta desobediente e sem compaixão. Deus mandou que ele fosse pregar em Nínive, a capital do grande império da Assíria, nação inimiga mortal do povo de Israel. Mas Jonas não foi anunciar a mensagem de Deus naquela cidade. Ele sabia que os seus moradores poderiam se arrepender dos seus pecados, e assim Deus não cumpriria a promessa de destruir a cidade. Jonas desobedeceu, foi castigado e, finalmente, acabou obedecendo. E ficou profundamente desapontado quando viu que as suas ameaças de destruição não cumpriram.
Este livro mostra que Deus domina o mundo inteiro: o céu, o mar, a terra, os animais, os seres humanos. Ele é também Deus de amor e compaixão.

Trecho retirado ( Bíblia Jovem. São Paulo - SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2002, pág 1105.)


Deus fala com Jonas para que ele fosse para Nínive ( Jn 1:2) para que pregasse dizendo que a maldade daquele povo tinha chegado aos ouvidos de Deus, nada muito diferente dos dias de hoje. Jonas pegou e embargou num navio indo para a direção contrária daquela que Deus tinha mandado ele ir. Quantas vezes não fazemos isso? Quantas vezes ouvimos Deus falar o que quer que façamos mais não obedecemos e vamos para onde nós mesmos achamos que será melhor, que poderemos esquecer o que Deus tinha nos mandado fazer, vivemos nossas vidas achando que fazer a vontade de Deus é só para quem quer.

Jonas se aprontou, mas fugiu do SENHOR, indo na direção contrária. Ele desceu a Jope e ali encontrou um navio que estava de saída para a Espanha. Pagou a passagem e embarcou a fim de viajar com os marinheiros para a Espanha, para longe do SENHOR. 

(Jonas 1:3 Tradução na Linguagem de hoje)

Podemos observar que toda a vez que o ser humano tenta fugir de Deus, fazendo o que bem quer, esquecendo-se de tudo o que Deus o manda fazer as consequências vem como uma bomba. Ninguém  pode fugir de Deus, não existe lugar no mundo ou em outro lugar que Deus não possa o encontrar. Fugir é atitude de quem não quer se comprometer em servir literalmente ao Senhor e não quer se comprometer em fazer a sua vontade, vê a fuga como meio para de escapar da ordem que Deus lhe deu. Se Deus te mandou fazer alguma coisa, faça! Não se importe com as circunstâncias, com sua capacidade de concluir, simplesmente obedeça, como servos de Cristo temos que ficar prontos para o servir sempre.

No entanto, Deus mandou um forte vento, e houve uma tempestade no mar. Era tão violenta, que o navio estava em perigo de se partir ao meio. Os marinheiros ficaram com muito medo e gritaram por socorro, cada um ao seu deus. E, para que o navio ficasse mais leve, jogaram a carga no mar. Porém Jonas tinha descido ao porão e ali havia se deitado e caído num sono profundo. 

( Jonas 1: 4,5 Tradução na Linguagem de hoje)

Jonas agora já estava começando a sofrer as consequências de sua escolha, ele escolheu fugir, escolheu ir para outro lugar mais no entanto, uma tempestade acabou afetando o navio onde ele estava. Os marinheiros preocupados resolveram cada um buscar ajuda pediu ao seu deus. Enquanto isso Jonas estava no porão dormindo, algumas pessoas depois de fora da vontade de Deus, entram em sono profundo parece que não enxergam o erro. Voltando a Jonas, o capitão o achou dormindo e o acordou pedindo para que ele fosse pedir socorro ao deus dele. Os marinheiros resolveram tirar a sorte para saber de quem era a culpa de tudo isso que estava acontecendo, quem foi o responsável por toda aquela tempestade que estava querendo os derrubar, saiu o nome de Jonas. Interrogaram Jonas para saberem mais sobre ele, o que estava fazendo ali, seu país, ele teve que dizer toda a verdade e se responsabilizar por tudo ( Jn 1: 8,9).

Em seguida, Jonas contou que estava fugindo de Deus, o SENHOR. Aí os marinheiros ficaram mais apavorados ainda e disseram: _ Veja só o que você fez!

(Jonas 1:10 Tradução na Linguagem de hoje)


Os marinheiros oraram para Deus e jogaram Jonas no mar para a tempestade poder parar ( Jn 1:14,15) e a tempestade se acalmou. Um grande peixe engoliu Jonas por ordem de Deus e ele ficou dentro dele por três dias e três noites ( Jn 1:17). Jonas fez uma oração e Deus deu uma segunda chance para ele e foi para Nínive ( Jn 3:1-5) e os moradores de Nínive se arrependeram e se voltaram ao SENHOR, então Deus perdoou eles e não destruiu aquela cidade.
Daí em diante Deus nos mostra que o seu grande objetivo é salvar e não destruir ao contrário do ser humano que sempre quer vingança, quer que os maus sejam destruídos como Jonas, enquanto Deus quer os amar e perdoar os seus pecados. Devemos compreender que para Deus nunca é tarde para se arrepender e fazer tudo diferente, conforme o seu querer.

Edmara Oliveira



4 Comentários

  1. Adorei seu blog, e esse texto serve pra muita gente, inclusive pra mim mesma, quantas vezes por desobediência à Deus, fugi de Deus, achando que agindo assim estaria enganando a Deus? Imagina, quem engana a Deus? Só se pode enganar a si mesmo, e quando a gente aprende que entregar a nossa vida à Deus é a solução pra que ele aja e determina todas as coisas possíveis e impossíveis na nossa vida, é que podemos encontrar a solução !
    Já virei seguidora do seu cantinho viu !
    Seu blog é ótimo !
    Beijocas

    www.rosanaquality.com.br

    ResponderExcluir
  2. @Rosana Silva È isso mesmo ainda bem que Deus sempre nos dá outra chance. Que bom irei seguir o seu também :) Volte sempre!

    ResponderExcluir
  3. adorei seu blog, estou te seguindo...

    bjs!

    unhasnatalenses.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amei o sei blog ainda mais porque fala sobre um assunto que eu estou sempre aberta pra ouvir! Somos cristas e e muito bom evangelizar seja de qual forma. Beijos que Deus te abencoe flor. :)
    www.mayara-esther.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

09/04/2013

Jonas: Não Fuja!


No livro de Jonas, conta-se a história de um profeta desobediente e sem compaixão. Deus mandou que ele fosse pregar em Nínive, a capital do grande império da Assíria, nação inimiga mortal do povo de Israel. Mas Jonas não foi anunciar a mensagem de Deus naquela cidade. Ele sabia que os seus moradores poderiam se arrepender dos seus pecados, e assim Deus não cumpriria a promessa de destruir a cidade. Jonas desobedeceu, foi castigado e, finalmente, acabou obedecendo. E ficou profundamente desapontado quando viu que as suas ameaças de destruição não cumpriram.
Este livro mostra que Deus domina o mundo inteiro: o céu, o mar, a terra, os animais, os seres humanos. Ele é também Deus de amor e compaixão.

Trecho retirado ( Bíblia Jovem. São Paulo - SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2002, pág 1105.)


Deus fala com Jonas para que ele fosse para Nínive ( Jn 1:2) para que pregasse dizendo que a maldade daquele povo tinha chegado aos ouvidos de Deus, nada muito diferente dos dias de hoje. Jonas pegou e embargou num navio indo para a direção contrária daquela que Deus tinha mandado ele ir. Quantas vezes não fazemos isso? Quantas vezes ouvimos Deus falar o que quer que façamos mais não obedecemos e vamos para onde nós mesmos achamos que será melhor, que poderemos esquecer o que Deus tinha nos mandado fazer, vivemos nossas vidas achando que fazer a vontade de Deus é só para quem quer.

Jonas se aprontou, mas fugiu do SENHOR, indo na direção contrária. Ele desceu a Jope e ali encontrou um navio que estava de saída para a Espanha. Pagou a passagem e embarcou a fim de viajar com os marinheiros para a Espanha, para longe do SENHOR. 

(Jonas 1:3 Tradução na Linguagem de hoje)

Podemos observar que toda a vez que o ser humano tenta fugir de Deus, fazendo o que bem quer, esquecendo-se de tudo o que Deus o manda fazer as consequências vem como uma bomba. Ninguém  pode fugir de Deus, não existe lugar no mundo ou em outro lugar que Deus não possa o encontrar. Fugir é atitude de quem não quer se comprometer em servir literalmente ao Senhor e não quer se comprometer em fazer a sua vontade, vê a fuga como meio para de escapar da ordem que Deus lhe deu. Se Deus te mandou fazer alguma coisa, faça! Não se importe com as circunstâncias, com sua capacidade de concluir, simplesmente obedeça, como servos de Cristo temos que ficar prontos para o servir sempre.

No entanto, Deus mandou um forte vento, e houve uma tempestade no mar. Era tão violenta, que o navio estava em perigo de se partir ao meio. Os marinheiros ficaram com muito medo e gritaram por socorro, cada um ao seu deus. E, para que o navio ficasse mais leve, jogaram a carga no mar. Porém Jonas tinha descido ao porão e ali havia se deitado e caído num sono profundo. 

( Jonas 1: 4,5 Tradução na Linguagem de hoje)

Jonas agora já estava começando a sofrer as consequências de sua escolha, ele escolheu fugir, escolheu ir para outro lugar mais no entanto, uma tempestade acabou afetando o navio onde ele estava. Os marinheiros preocupados resolveram cada um buscar ajuda pediu ao seu deus. Enquanto isso Jonas estava no porão dormindo, algumas pessoas depois de fora da vontade de Deus, entram em sono profundo parece que não enxergam o erro. Voltando a Jonas, o capitão o achou dormindo e o acordou pedindo para que ele fosse pedir socorro ao deus dele. Os marinheiros resolveram tirar a sorte para saber de quem era a culpa de tudo isso que estava acontecendo, quem foi o responsável por toda aquela tempestade que estava querendo os derrubar, saiu o nome de Jonas. Interrogaram Jonas para saberem mais sobre ele, o que estava fazendo ali, seu país, ele teve que dizer toda a verdade e se responsabilizar por tudo ( Jn 1: 8,9).

Em seguida, Jonas contou que estava fugindo de Deus, o SENHOR. Aí os marinheiros ficaram mais apavorados ainda e disseram: _ Veja só o que você fez!

(Jonas 1:10 Tradução na Linguagem de hoje)


Os marinheiros oraram para Deus e jogaram Jonas no mar para a tempestade poder parar ( Jn 1:14,15) e a tempestade se acalmou. Um grande peixe engoliu Jonas por ordem de Deus e ele ficou dentro dele por três dias e três noites ( Jn 1:17). Jonas fez uma oração e Deus deu uma segunda chance para ele e foi para Nínive ( Jn 3:1-5) e os moradores de Nínive se arrependeram e se voltaram ao SENHOR, então Deus perdoou eles e não destruiu aquela cidade.
Daí em diante Deus nos mostra que o seu grande objetivo é salvar e não destruir ao contrário do ser humano que sempre quer vingança, quer que os maus sejam destruídos como Jonas, enquanto Deus quer os amar e perdoar os seus pecados. Devemos compreender que para Deus nunca é tarde para se arrepender e fazer tudo diferente, conforme o seu querer.

Edmara Oliveira


4 comentários:

  1. Adorei seu blog, e esse texto serve pra muita gente, inclusive pra mim mesma, quantas vezes por desobediência à Deus, fugi de Deus, achando que agindo assim estaria enganando a Deus? Imagina, quem engana a Deus? Só se pode enganar a si mesmo, e quando a gente aprende que entregar a nossa vida à Deus é a solução pra que ele aja e determina todas as coisas possíveis e impossíveis na nossa vida, é que podemos encontrar a solução !
    Já virei seguidora do seu cantinho viu !
    Seu blog é ótimo !
    Beijocas

    www.rosanaquality.com.br

    ResponderExcluir
  2. @Rosana Silva È isso mesmo ainda bem que Deus sempre nos dá outra chance. Que bom irei seguir o seu também :) Volte sempre!

    ResponderExcluir
  3. adorei seu blog, estou te seguindo...

    bjs!

    unhasnatalenses.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amei o sei blog ainda mais porque fala sobre um assunto que eu estou sempre aberta pra ouvir! Somos cristas e e muito bom evangelizar seja de qual forma. Beijos que Deus te abencoe flor. :)
    www.mayara-esther.blogspot.com

    ResponderExcluir