04/10/2013

O rapaz na Biblioteca


     Ao ir na Biblioteca da Universidade com meus colegas vimos que havia um rapaz diferente, eu quase não prestei atenção nele mas o tal chamou a atenção da minha colega, que ficou encantada com seus olhos claros e seu jeito esforçado de estudar, ela havia prestado atenção até mesmo para o mapa que ele estava estudando. Impaciente, me mostrou e me disse o quanto achava bonito pessoas de olhos claros, eu dei uma risada meio tímida e fiquei quieta, talvez eu poderia falar muitas e outras coisas mas no momento eu fiquei sem reação, talvez seja porque um dia eu também fui assim, ficava horas encarando alguém só porque algo na pessoa me chamou atenção, podendo ser menina, mulher, menino ou homem, a gente sempre se impressiona com o que nos chama atenção. Mesmo sendo comprometidas não deixamos de admirar e olhar para os outros rapazes que nos aparecem mesmo sem que percebamos a rapidez com que chegam e com que se vão. Quando somos adolescentes por volta dos quatorze, quinze, eles costumam ser uma paixão passageira do tipo que preciso saber mais desse garoto misterioso de olhos claros que não me deixa dormir, quando passamos a ser jovens deixamos que passe despercebido ou que a paixão se vá antes mesmo de sabermos o seu nome e sobrenome. Quando chegamos a adulto, ah essa fase eu não sei, mas com certeza já vamos está ligadas a alguém que não deixará que nossa atenção se volte a nenhum outro mais. 
   Eu me lembro de quando o garoto da Igreja era o motivo de várias garotas sorrirem durante o culto, aquilo parecia algo sobrenatural, quando ele aparecia os rostos se viravam e os olhos brilhavam, chegou a felicidade de várias garotas. A Bíblia era deixada de lado para acompanhar as idas e vindas dele na Igreja, e a garota que ele dava moral, era a garota mesmo ela não sendo tão bonita como as outras mas ela tinha o controle em suas mãos. Aquela época era uma época de rivalidade e competição, o garoto nem era tão bonito assim e nem tinha uma vida espiritual com Deus, o que fazia com que as garotas deixassem de lado o seu relacionamento com Deus para se frustrar com uma paixão passageira. O bom é que chega um momento em que não existia mais garoto suspirar, não existia mais motivo para virar o rosto em busca de alguém, porque sempre chega um momento em que só Deus permanece e o resto tudo muda ou se vai. 
    O rapaz na Biblioteca chamou a atenção da minha colega assim como outros rapazes chamam a atenção de outras garotas pelo mundo todo, são esses rapazes que chegam como que por acaso, deixando as garotas em suspiro e se vão de repente sem deixar rastro. As garotas são sempre alvo de uma paixão ao acaso com a impressão de que é o destino. Deus não deixa o nosso coração sofrer por paixão, ele sempre nos avisa, nós é que teimamos em tomar a caneta e o papel da mão de Deus e querer escrever a nossa própria história, depois choramos, se arrependemos e devolvemos tudo nas mãos de Deus para que ele faça tudo de novo só que dessa vez tudo certo.







10 comentários:

  1. Nossa Edmara falou tudo agora, isso já aconteceu comigo, já tomei a caneta da mão de Deus e tentei escrever a própria história, e deu no que deu, sofri, me descepcionei, chorei, tiver que passar por um processo longo de cura interior, ainda bem que Deus é misericordioso e aceitou a caneta de volta e escreveu uma história linda pra mim.
    Meu blog: FABIOLA KEFFER

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus é bom. Sempre nos dá outra chance *-------*

      Excluir
  2. Se Deus não fosse tão misericordioso, eu não estaria feliz ultimamente, passei por diversas lutas por tomar a caneta da mão de Deus, mas ele com todo seu amor, me aceitou e está escrevendo uma nova história pra mim!

    ResponderExcluir
  3. Se Deus não fosse tão misericordioso, eu não estaria feliz ultimamente, passei por diversas lutas por tomar a caneta da mão de Deus, mas ele com todo seu amor, me aceitou e está escrevendo uma nova história pra mim!

    ResponderExcluir
  4. Se Deus não fosse tão misericordioso, eu não estaria feliz ultimamente, passei por diversas lutas por tomar a caneta da mão de Deus, mas ele com todo seu amor, me aceitou e está escrevendo uma nova história pra mim!

    ResponderExcluir
  5. Verdade,isso acontece em algumas fases da vida,mas devemos pedir a Deus que guarde nosso coração :)
    Fica na paz de Deus!

    http://nisso-pensai.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Esses encontros e as escolhas são necessárias. O sofrer faz parte porque somos humanos e às vezes uma paixão vem pra trazer ensinamentos. Não há como fugir de tudo pra sempre. A vida nos dá a opção de vivê-la com plenitude. E principalmente errar. Nós temos controles de nós mesmos porque assim ELE instituiu. Para que nessas escolhas possamos encontrar respostas. Podemos sofrer porque não adivinhamos. Necessitamos ir adiante. Numa dessas acertamos. O que não dá é esperar para escolher o que julgamos certo. Porque nada virá com uma placa nos orientando e dizendo de forma clara: esta é a escolha certa. Não há forma de ser feliz sem escolher os caminhos oferecidos pela vida. E nessas andanças podemos sofrer sim, nos decepcionar. Mas só indo adiante podemos acertar.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Olá Ed' Adorei o seu blog é um fofo' Tem texto incríveis amei. Peguei os textos seus, espero que não se importe. Não se preocupe coloquei o seu link... kkkkkk. Se possível entra no meu blog e me segue lá.
    Blog: http://wwwprincesadedeus.blogspot.com.br/

    tenho outro blog também: http://girlswholoveparis.blogspot.com.br/

    A.D Agradece'

    ResponderExcluir

04/10/2013

O rapaz na Biblioteca


     Ao ir na Biblioteca da Universidade com meus colegas vimos que havia um rapaz diferente, eu quase não prestei atenção nele mas o tal chamou a atenção da minha colega, que ficou encantada com seus olhos claros e seu jeito esforçado de estudar, ela havia prestado atenção até mesmo para o mapa que ele estava estudando. Impaciente, me mostrou e me disse o quanto achava bonito pessoas de olhos claros, eu dei uma risada meio tímida e fiquei quieta, talvez eu poderia falar muitas e outras coisas mas no momento eu fiquei sem reação, talvez seja porque um dia eu também fui assim, ficava horas encarando alguém só porque algo na pessoa me chamou atenção, podendo ser menina, mulher, menino ou homem, a gente sempre se impressiona com o que nos chama atenção. Mesmo sendo comprometidas não deixamos de admirar e olhar para os outros rapazes que nos aparecem mesmo sem que percebamos a rapidez com que chegam e com que se vão. Quando somos adolescentes por volta dos quatorze, quinze, eles costumam ser uma paixão passageira do tipo que preciso saber mais desse garoto misterioso de olhos claros que não me deixa dormir, quando passamos a ser jovens deixamos que passe despercebido ou que a paixão se vá antes mesmo de sabermos o seu nome e sobrenome. Quando chegamos a adulto, ah essa fase eu não sei, mas com certeza já vamos está ligadas a alguém que não deixará que nossa atenção se volte a nenhum outro mais. 
   Eu me lembro de quando o garoto da Igreja era o motivo de várias garotas sorrirem durante o culto, aquilo parecia algo sobrenatural, quando ele aparecia os rostos se viravam e os olhos brilhavam, chegou a felicidade de várias garotas. A Bíblia era deixada de lado para acompanhar as idas e vindas dele na Igreja, e a garota que ele dava moral, era a garota mesmo ela não sendo tão bonita como as outras mas ela tinha o controle em suas mãos. Aquela época era uma época de rivalidade e competição, o garoto nem era tão bonito assim e nem tinha uma vida espiritual com Deus, o que fazia com que as garotas deixassem de lado o seu relacionamento com Deus para se frustrar com uma paixão passageira. O bom é que chega um momento em que não existia mais garoto suspirar, não existia mais motivo para virar o rosto em busca de alguém, porque sempre chega um momento em que só Deus permanece e o resto tudo muda ou se vai. 
    O rapaz na Biblioteca chamou a atenção da minha colega assim como outros rapazes chamam a atenção de outras garotas pelo mundo todo, são esses rapazes que chegam como que por acaso, deixando as garotas em suspiro e se vão de repente sem deixar rastro. As garotas são sempre alvo de uma paixão ao acaso com a impressão de que é o destino. Deus não deixa o nosso coração sofrer por paixão, ele sempre nos avisa, nós é que teimamos em tomar a caneta e o papel da mão de Deus e querer escrever a nossa própria história, depois choramos, se arrependemos e devolvemos tudo nas mãos de Deus para que ele faça tudo de novo só que dessa vez tudo certo.







10 comentários:

  1. Nossa Edmara falou tudo agora, isso já aconteceu comigo, já tomei a caneta da mão de Deus e tentei escrever a própria história, e deu no que deu, sofri, me descepcionei, chorei, tiver que passar por um processo longo de cura interior, ainda bem que Deus é misericordioso e aceitou a caneta de volta e escreveu uma história linda pra mim.
    Meu blog: FABIOLA KEFFER

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus é bom. Sempre nos dá outra chance *-------*

      Excluir
  2. Se Deus não fosse tão misericordioso, eu não estaria feliz ultimamente, passei por diversas lutas por tomar a caneta da mão de Deus, mas ele com todo seu amor, me aceitou e está escrevendo uma nova história pra mim!

    ResponderExcluir
  3. Se Deus não fosse tão misericordioso, eu não estaria feliz ultimamente, passei por diversas lutas por tomar a caneta da mão de Deus, mas ele com todo seu amor, me aceitou e está escrevendo uma nova história pra mim!

    ResponderExcluir
  4. Se Deus não fosse tão misericordioso, eu não estaria feliz ultimamente, passei por diversas lutas por tomar a caneta da mão de Deus, mas ele com todo seu amor, me aceitou e está escrevendo uma nova história pra mim!

    ResponderExcluir
  5. Verdade,isso acontece em algumas fases da vida,mas devemos pedir a Deus que guarde nosso coração :)
    Fica na paz de Deus!

    http://nisso-pensai.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Esses encontros e as escolhas são necessárias. O sofrer faz parte porque somos humanos e às vezes uma paixão vem pra trazer ensinamentos. Não há como fugir de tudo pra sempre. A vida nos dá a opção de vivê-la com plenitude. E principalmente errar. Nós temos controles de nós mesmos porque assim ELE instituiu. Para que nessas escolhas possamos encontrar respostas. Podemos sofrer porque não adivinhamos. Necessitamos ir adiante. Numa dessas acertamos. O que não dá é esperar para escolher o que julgamos certo. Porque nada virá com uma placa nos orientando e dizendo de forma clara: esta é a escolha certa. Não há forma de ser feliz sem escolher os caminhos oferecidos pela vida. E nessas andanças podemos sofrer sim, nos decepcionar. Mas só indo adiante podemos acertar.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Olá Ed' Adorei o seu blog é um fofo' Tem texto incríveis amei. Peguei os textos seus, espero que não se importe. Não se preocupe coloquei o seu link... kkkkkk. Se possível entra no meu blog e me segue lá.
    Blog: http://wwwprincesadedeus.blogspot.com.br/

    tenho outro blog também: http://girlswholoveparis.blogspot.com.br/

    A.D Agradece'

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Aviso!

Imagens própria e da Internet. Textos escritos por Edmara Oliveira. Não ao plágio. Não é autorizado qualquer cópia sem seu consentimento. Plágio é crime, Artigo 184 do código penal.

Online

Tecnologia do Blogger.

Like us

Leia Gospel +

Licença

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo